quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Vida em terra versus vida a bordo

    Vamos ver alguns contrastes que há quando se trabalha em navio. Todos pensam no glamour, na beleza e no luxo. Claro que tem tudo isso... e muito mais!

Veja algumas das diferenças que há, entre estar em terra firme e a bordo:

- Quando você trabalha em terra, 12, 20 ou 300  funcionários não vão embora pela manhã e outros os substituem algumas horas depois, no mesmo dia.  

- você não acorda, a cada dia, em um país diferente.

- Saber como deixar sua cabine, em caso de emergência, e conhecer o labirinto que leva até ao ponto de encontro, em caso de emergência é fundamental para sua sobrevivência.

- A janela do seu quarto, em terra,  é mais larga do que o espaço para se mover na cabine.

- Em um shopping center os seguranças não estão de olho em você, para te punir se você segurar a mão da pessoa que você gosta, estando você de uniforme (!!!!)

- Provavelmente as paredes do seu quarto não são de aço, o banheiro não é um cubículo e a porta do guarda-roupas, quando aberta, não obriga seu companheiro de quarto sair para fora, ou pular para cima da cama, pela falta de espaço.

- você só será visto em praias paradisíacas, com garotas parecidas com top models se for milionário. A bordo, nossas colegas de trabalho SÃO parecidas com modelos, e as praias SÃO paradisíacas :)

- Se você estiver em casa, e ouvir o som de uma sirene soar sete vezes, seguido de um som longo, nem dará importância.

- O buffet nunca apresenta TODAS as comidas nadando em gordura, e os vegetais ao vapor não estão afogados em manteiga.

- Você não se importa em andar de chinelos havaianas na Grécia, Itália ou Mônaco, por estar com os pés doendo de tanto usar sapatos. 
- Em sua casa, almoçar, lavar, secar, guardar suas roupas, lustrar os sapatos, ver um pouco de TV, tirar uma soneca e ainda ligar para seus familiares é impossível de ser feito em apenas DUAS horas. A bordo você estica o tempo, e dá, sim!

- Se alguém pergunta teu telefone, eles não ficam sabendo exatamente em que andar e quadrante você mora, nem se é do lado esquerdo ou direito da rua.

- Você não anda com um sorriso estampado no rosto, como se tivesse acertado na loteria, durante 12 horas por dia, no mínimo (acelerando as rugas de expressão e ficando com o rosto todo doído). 

- Com certeza em sua casa o bem mais valioso não é a televisão nem a geladeira.

- Por mais repetitivos que sejam os filmes na TV, COM CERTEZA você não assiste todo o santo sábado  "O Diabo Veste Prada", da manhã até à tarde, durante  SETE MESES SEGUIDOS.

- Você nunca vai, toda a semana, à festas, se está completamente morto de tanto trabalhar e fica na balada até às 3 da manhã, tendo que acordar às 7:00 para trabalhar.

- Certamente você não tem que ficar preocupado, se chegar atrasado em casa, com medo dela ter ido embora, para outro país.

- Em terra os dias da semana se chamam: 2a, 3a, 4a feira e não "Jamaica", "Cozumel" ou "Florida", nem você precisa adiantar seu relógio e dois dias depois atrasar ele, pois cada lugar que você vai tem um horário diferente.

- Se você estiver gripado, ou com ânsias de vômito, ninguém vai te confinar durante três dias em seu quarto, tomando remédios,  comendo papinha de arroz. Ah, e você não terá uma diarréia federal, nem vomitará até o intestino. (sorry!)

- Em casa você não precisa se preocupar que sua família e amigos lembrem como você é, sua fisionomia, desde a última vez que foi para o trabalho.....8 meses atrás!

NEM TUDO É SOMENTE TRABALHO E TRABALHO!

Algumas vantagens que lembro agora:

- Se você vai a um restaurante é servido camarões gigante, massas vindas da itália, queijos franceses, lagosta, risotto a fungi secchi, sobremesas de nome difícil de lembrar, é tratado super bem, e paga apenas $15,00 dólares??????  

- Quando você está trabalhando, olha para fora (as paredes são de vidro) e vê a Estátua da Liberdade passando, a praça de São Marco, em Veneza, os montes em Santorine, na Grécia,  e algumas vezes golfinhos saltando ao redor, quando está no caribe, e muitas vezes um por do sol digno de cinema...

- Você se dá ao luxo de comprar em Nova Iorque, percorre as ruas como se estivesse em seu bairro, na semana seguinte está no Canadá, toma sorvete na Islândia, pode beber o vinho NACIONAL produzido na França, como se fosse a coisa mais simples, tangível e do teu dia-a-dia, mesmo você não sendo rico para fazer tudo isso..

- Compra Iphone na Flórida por menos de $300 dólares (isso só com tuas gorjetas).

- Teus colegas de trabalho vem de 45 países diferentes. Alguns países você só ouviu falar quando estava na 7a. série, estudando geografia!

- Massagem com algas, clareamento de dentes, acupuntura, tratamentos anti-idade, produtos para rosto e corpo, reeducação alimentar para eliminar peso, aulas de marketing de primeiro mundo,  custo aproximado $10.000 dólares, meu investimento: zero!

- Se DIVERTE até não querer mais nas crew parties, dança até não aguentar mais, rí tanto das bobagens que o pessoal te conta, até ter dor no estômago e ver eles rindo tanto até chorar...!

A lista de coisas boas é tão extensa que vou ficar por aqui. Mesmo com as dificuldades de adaptação à vida abordo, no final das contas a balança sempre pesa para o lado positivo. ADORO o trabalho a bordo, atender passageiros, conhecer novos lugares, enfim, só vejo vantagens. Um dia vou parar, mas por enquanto estou com todo o gás para novo contrato.

2 comentários:

Bárbara Ottoni disse...

muito massa essa sua comparaçao viu!!!!!!!!!!!!!!!!
adorei!!!! é assim mesmo né?
hauhauhauhau
saudadesssssss...logo logo to voltando...1 semaninhaaaa
bjo
vou te add nos meus favoritos do meu blog ta

Cabelos & eu! disse...

oi Bárbara! Obrigado pela visita!
Aproveita tua volta ao Brasil e bom descanso! Logo eu vou estar embarcando!!